O ano começou! Chega de procrastinar...

Procrastinar a realização pessoal.

Excelência pessoal exige empenho. A realização, em qualquer área do desenvolvimento humano, exige dedicação.

São as nossas ações que irão definir o sucesso ou o fracasso de uma determinada empreitada. Para conquistarmos a constância dessas ações, nada melhor do que instituirmos hábitos. Construído pelo indivíduo ou criado por manipulação externa, o hábito é a frequente repetição de um ato que poderá se tornar um poderoso aliado ao desenvolvimento interno ou, por outro lado, um vício que estagna o crescimento.

Amanhã ou depois de amanhã

Como um exemplo, a procrastinação. Nada contra deixar para depois ou até mesmo não fazer uma atividade, quando isso for escolha. Com muitas atribuições, precisamos estabelecer a ordem de prioridades para que consigamos hierarquizar aquilo que é importante e não apenas urgente, bem como, realizar as tarefas de nossa rotina e as atividades necessárias para suprir nossas necessidades fisiológicas, emocionais, intelectuais e sociais.

Por outro lado, a mania de sempre deixar para depois pode se tornar um vício e uma armadilha para agrilhoar nossos sonhos, especialmente se a procrastinação ocorrer por condicionamento, distração ou por simples preguiça ou inércia. Essa forma de agir favorece a desorganização e amplifica a dimensão dos problemas, gerando não apenas o desconforto interno daquele que fica com a pendência na consciência, mas também, a sua relação de confiabilidade e credibilidade com os demais.

Credibilidade é tudo.

Além disso, a dispersão favorece o stress, pois, a quantidade de tempo dedicada para um trabalho será muito maior e, provavelmente, a qualidade será comprometida, prejudicando até mesmo os momentos de lazer e descanso. As aspirações internas e mais profundas ficam eclipsadas pelo emaranhado de compromissos postergados.

Por sua vez, aquele que possui motivação e aprimora sua concentração, expande seu potencial de realização. Ao cumprir de forma descontraída seus compromissos, sem derivar de seus objetivos, estabelece ordem em sua vida. Por mais comprometido que esteja, gera credibilidade para assumir novos desafios.

Investir no desenvolvimento e no aprimoramento contínuo é a melhor forma de conquistar mais qualidade de vida e lucidez para não procrastinar a realização pessoal.

Dicas:

1. Adote uma metodologia de aprimoramento pessoal que desenvolva suas habilidades atravésda boa alimentação, boa forma e boa cabeça.

2. Perceba que o prazer e o bem-estar não estão naquilo que se faz, mas na forma como você faz.

3. Cumpra tudo o que é urgente sem deixar de lado o que é importante para o seu desenvolvimento.

4. Evite distrações e pare suas atividades somente se precisar e quando escolher.

5. Programe tempo para as necessidades e aspirações pessoais.

6. Utilize a internet, redes sociais e congêneres de forma consciente, sem se deixar manipular por eles.

Por Fernanda Monteforte

Matéria publicada na revista Táxi Cultura

Edição de Waldir Martins

Carregar mais postagens